Medicina Integrativa: especialidade médica

Atualmente, é cada vez maior o número de pessoas que buscam novas formas de tratamento, ou seja, métodos mais eficientes e humanizados são mais exigidos pelos pacientes em relação aos profissionais da saúde.

Por essa razão, você sabia que existe uma especialidade da medicina que busca compreender o ser humano como um todo, considerando seus aspectos físicos, emocionais e mentais? Ela é conhecida como “Medicina Integrativa”.

Explicando de forma simplista, seu propósito é descobrir a causa de certas doenças e o melhor tratamento para possibilitar sua cura a partir de uma análise mais ampla da saúde do indivíduo.

Além do mais, a relação entre médico e paciente é muito importante para a “Medicina Integrativa”, pois todo o tratamento é baseado na individualidade do paciente, levando em consideração aspectos como sua personalidade, sua forma de se relacionar com o mundo, entre outros.

Assim, as principais vantagens dessa especialidade como proposta complementar para as doenças diagnosticadas se referem, por exemplo, à uma possível redução do número de medicamentos usados para o tratamento de algum problema. Consequentemente, pode haver uma recuperação mais rápida e melhoria da qualidade de vida.

Sabendo disso, em minhas consultas, não busco tratar apenas os sintomas das doenças relatadas por meus pacientes, mas busco também compreender a pessoa em sua totalidade, abordando todos os aspectos da enfermidade.